Ingresso falso; não caia em furada

Imagine você todo animadinho, ou animadinha, na fila de um evento. Roupa bonita, perfume, cabelo penteado de lado e pá! Quando chega no segurança, descobre que você tem um ingresso falso. Tá barrado.

A gente bem queria dizer que isso é raro de acontecer, mas, infelizmente, tem caso a rodo por aí. Gente desonesta sempre existiu na vida.

Já que não dá para acabar com os charlatões, a gente pelo menos pode te deixar espertinho para sacar de cara que alguma coisa está errada. Nos textos sobre as desvantagens de comprar de cambista e  sobre os riscos do mercado secundário também damos algumas dicas legais.

Desse jeito, você se livra do ingresso falso e não perde rolê, né?

Quando a esmola é demais, o santo diz que é santo, mas não é trouxa não!

Se o ingresso está barato demais, vem com chaveirinho de brinde, fichas de bebidas, MC depois da noitada, desconfie! “Ah, mas o vendedor tem uma cara tão ótima”.

Claro que tem! Ele não vai chegar com bigodão de mafioso e pistola na mão para te dar um golpe, né.

Então, fica a dica aí. Tem economia que não vale a pena, até porque se o ingresso for falso, vai ser seu dinheiro todinho no lixo.

Dá uma stalkeadinha!

Todo mundo na vida já stalkeou a vida de um ex-namorado, da gatinha do cursinho, daquele amigo vacilão que vive inventando história para dar bolo na galera.

Pois é, agora é hora e stalkear o vendedor para saber se ele não está vendendo ingresso falso! Não precisa surtar, mas é sempre bom checar as referências.

Você pode procurar no Facebook ou Instagram, por exemplo, o nome da pessoa que está falando com você e dar uma olhadinha de leve nas fotos e tal. Só para confirmar que o sujeito não é fake.

Também dá para perguntar para os amigos se alguém conhece, dar um Google e, se não for uma pessoa e sim uma empresa, ainda tem o Reclame Aqui.

Hora da perícia. Não é tão difícil, vai?

Outro jeito de saber se o ingresso é seguro é olhando com bastante atenção as informações que estão especificadas lá. Data, horário do evento, local, valor. Está tudo certo?

Tem uma tinta estranha, cara de montagem, uns trens meio borradinhos? O ingresso é eletrônico e tem umas fontes diferentes, as linhas estão tortas ou algo assim?

Então, fica de olho. Pode não ser um ingresso seguro.

Xô, ingresso falso

Agora que você já sabe que preço bom demais é sinal de perigo, acha mesmo que vale a pena arriscar? Se tem ingresso seguro no site do evento, na ticketeira ou na bilheteria, vai correr risco para quê?

“Ah, mas deu sold out. Tô sofrendo”!

Se o ingresso for eletrônico, a gente te salva e ainda dá um abraço grátis para acalmar. Na Tix2u é fácil demais vender e comprar ingressos de segunda mão.

É tudo online, rapidão e bem mais seguro que comprar de quem você não conhece. Não tem cambismo, nem preço injusto e a gente checa com todo o cuidado do mundo o ingresso que estão anunciando.

Se ainda assim alguma coisa der errado, devolvemos seu rico dinheirinho. Bem melhor, não?

Gostei Não gostei Contato Compartilhar

Deixe uma mensagem que responderemos em breve.

ENVIAR FECHAR

Que bom que você gostou. Quer deixar alguma mensagem?

Que pena que você não gostou. Deixe uma mensagem para que possamos melhorar sempre?

ENVIAR FECHAR