Mercado secundário; riscos e precauções

Desapega da palavra “risco” e pensa nesse texto como um tutorial no YouTube: Como se jogar no mercado secundário sem fazer papel de trouxa. Conseguiu? Beleza, então vem com a gente.

No artigo que fala sobre ingressos de segunda mão, a gente já comentou que o mercado secundário é um paraíso para quem comprou ingresso de um evento e não vai mais. Ou então para quem não comprou e ficou sem, porque deu sold out ou o lote está caro.

Nesse mercado super rola vender ou comprar ingresso sem problema algum. Contudo, como rapadura é doce, mas não é mole não, você corre alguns riscos chatinhos.

Melhor saber logo para se precaver, né. Vamos lá.

Ingresso falso no mercado secundário? Deus me livre!

Putz, acontece. Tem muita gente e empresa de má fé por aí vendendo ingressos falsos para lucrar em cima do seu sofrimento. Se isso acontecer, colega, é stop na porta, dois beijos, tchau, tchau.

Além do que, o ingresso pode até ser verdadeiro, mas se o charlatão vende a mesma entrada para várias pessoas, também é problema na certa. No caso dos ingressos eletrônicos, é mais fácil disso acontecer.

Já falamos um pouco sobre ingressos falsos - fizemos um verdadeiro manual da Folia Sem Caô. Vale muito a pena ler antes de se jogar no mercado secundário.

Lembrando que aqui na Tix2u, a gente toma tanto cuidado com os ingressos vendidos que só falta te levar na porta para checar se está tudo bem. E se alguma coisa der errado, a gente devolve seu dinheiro. Melhor assim, né.

Ingresso de US$ 1.000.000,00

Esse nem o Jackie Chan perdoa. Assim como tem gente oportunista que vende ingressos falsos no mercado secundário, também tem aqueles que querem te vender dois dedos pelo preço de um rim.

É muito comum essa hiperinflacionada acontecer com os preços de ingressos vendidos por cambistas. Como a gente explica no textos sobre ingressos de cambistas e por que o cambismo é ilegal, eles se baseiam nas leis de oferta e demanda para ajustar os valores.

Isso significa que você pode pagar preços absurdos por um mísero ingresso que você poderia ter comprado mais barato no site do evento. Isso, claro, se outra pessoa não tivesse comprado antes para te vender caro depois. Ai, olha, assim não dá.

Ainda bem que na Tix2u não tem essa de cambismo, porque a gente limita os preços dos ingressos em 130% do valor original - apenas para permitir o repasse de taxas de serviço. Todo mundo sai ganhando.

O número da sua conta na boca do povo

Na boca do povo pode ser exagero, mas na boca do bandido é capaz de estar sim. Vender ingressos por meios não confiáveis e ainda passar os dados pessoais, bancários e tal é o fim da picada.

Nome, CPF, número de conta no banco, são dados tão pessoais. Não é legal passar isso por aí. Sorte que na Tix2u fica tudo guardado a sete chaves. Ufa, né.

Festa miada x Netflix

E ainda tem essa. Se o preço do ingresso no mercado secundário fica alto demais, pode ser que um monte de gente desista de comprar e volte para casa. Os cambistas perdem as vendas e a festa fica vazia, sendo que tinha uma pancada de ingresso à venda. Poxa vida, dá preguiça só de pensar em ter que se arrumar para pegar festa miada.

Bom, é isso aí! Está mais esperto, agora? Nada de furada, hein.

Gostei Não gostei Contato Compartilhar

Deixe uma mensagem que responderemos em breve.

ENVIAR FECHAR

Que bom que você gostou. Quer deixar alguma mensagem?

Que pena que você não gostou. Deixe uma mensagem para que possamos melhorar sempre?

ENVIAR FECHAR